Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Simplice

A vida é simples

Simplice

A vida é simples

Críticas aos atletas

Hoje tive mais uma vez vergonha dos portugueses. Não, não estou a falar dos atletas que estão a competir nos jogos olímpicos. Estou a falar dos que criticam os atletas por tudo e por nada. Eis algumas das pérolas:

1- "Quando se quer e se é realmente bom (não é o caso da maioria dos nossos atletas, que parecese que vão passar férias)"
2- "quando os atletas portugueses tiverem a humildade suficiente ai[sic] sim começam a ganhar medalhas"

Estes são tirados de um só artigo, mas são apenas um exemplo do que se diz por tudo o que é comentários dos jogos olímpicos. É triste, e reflecte uma das características portuguesas que mais detesto: A crítica dos outros a torto e a direito. Das suas capacidades, mas também das atitudes, e até dos resultados. Primeiro é porque são uma porcaria. Se não são uma porcaria, têm falta de humildade, ou não se esforçam o suficiente. Se consegue a medalha de bronze ou de prata, é um falhado porque não conseguiu a de ouro. Se ganhou a de ouro, teve sorte.

Este tipo de comentários vem de pessoas invejosas e mesquinhas. Quem faz esse tipo de comentários sente-se mal com o sucesso dos outros. Sente-se tão mal, que tem de deitar abaixo esse sucesso, porque o sucesso dos outros só faz lembrar o falhanço que essas pessoas são. Não estão nem perto de conseguir fazer o mesmo que os outros, e ainda se dão ao luxo de criticar quem sabe.

O argumento a que acho mais graça é o de que "estão lá de férias", ou que "já ganham muito por isso não se esforçam". Como se um atleta, qualquer que ele for, não deseje mais ganhar do que todos os supostos adeptos de sofá. Sejam eles jogadores de futebol da selecção, ou atletas dos jogos olímpicos.

O sucesso dos outros não deve ser criticado, deve ser apoiado, elogiado, reconhecido. E sucesso não é só ser o primeiro. Já estar nos Jogos Olímpicos é um grande sucesso, milhões tentaram e não conseguiram. Qualquer que seja o resultado é bom. Ao menos que haja o mínimo de respeito.

8 comentários

Comentar post